Tu és o tal! Reflexão para o dia dos namorados…

Não te deixes levar pela procura do amor no outro, tu és o tal.

Aquele com quem vais partilhar cada momento da tua vida.

Cada respiro, cada batida do coração, cada passo da tua caminhada, cada emoção, cada pensamento. Cada lagrima, cada dor, cada alegria.

É contigo que acordas todas as manhãs e adormeces todas as noites.

És o teu companheiro constante desde o nascimento até ao ultimo respiro.

Abraça-te, cuida-te, respeita-te, mima-te, celebra-te, ama-te.

Ama-te incondicionalmente e aceita quem és hoje em dia e toda a historia que trazes contigo.

O amor-próprio aceita todo o que tu és, o que gostas e o que não gostas, é o que faz chegar a ti milagres, abundância, é o que te liberta, é uma energia que te faz evoluir, é o medicamento mais poderoso, é o alimento mais rico.

A não confundir com o pensar que és melhor que qualquer outro… O amor-próprio convida os outros a fazer o mesmo, com gentileza e assertividade.

Não há competição, nem superioridade ou inferioridade. Há respeito e evolução.

Partilha com quem achas que precisa de ler isto, especialmente hoje, 14 de Fevereiro, em que há uma sensação geral em que precisamos do outro para estar “completos”…